A atuação no “Britain’s Got Talent” que está a dar a volta ao mundo

A atuação no “Britain’s Got Talent” que está a dar a volta ao mundo

Um pianista entrou sozinho em palco, mas não era apenas ele a concorrer à edição inglesa de “Talent”. O vídeo está a conquistar as redes sociais.

Nicholas Bryant subiu ao palco para participar na edição britânica do “talent show”. Disse que queria mostrar a sua música ao mundo e que iria tocar piano. E tocou, mas não estava sozinho.

Segundos depois dos primeiros acordes, uma violinista começou por lhe fazer companhia, surpreendendo o painel de jurados composto por Simon Cowell, Amanda Holden, Alesha Dixon e David Walliams.

Perante uma plateia em êxtase, Nicholas Bryant acabou ainda por ser acompanhado por uma orquestra, cujos elementos estavam espalhados pela audiência. Instrumentos de cordas, sopros e metais e até uma guitarra elétrica, dirigidos pelo maestro que entretanto também entrou em cena, levaram o auditório do afoutais Studios ao rubro. “É exatamente isto que procuramos [no programa]”, disse-lhes Cowell, um dos jurados mais difíceis de agradar, no final da atuação.

O vídeo com a participação da Collaborative Orchestra no “Britain’s Got Talent”, produzido pela FremantleMedia e emitido na ITV, está a correr mundo através das redes sociais. Pode ser que, agora, está formação musical consiga alcançar o seu sonho: “Tocar para a rainha de Inglaterra”.

A atuação no “Britain’s Got Talent” que está a dar a volta ao mundo

Deixe o seu comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.