Artigos da tag: rir

ANEDOTA: O polícia e o mendigo

O polícia e o mendigo Um mendigo dormia descansado num banco de jardim, quando aparece um Policia e diz-lhe: - " Então vamos lá acordar! Você não sabe que: ' O sono é a véspera da morte!' Eça de Queirós?" O mendigo olha o polícia estremunhado e não liga. Passado um pouco passa o Policia outra vez e diz: - " O sono é...

ANEDOTA: Astronauta brasileiro

Astronauta brasileiro A NASA enviou ao espaço 3 macacos e 1 brasileiro. Da central comunicam: - NASA para a Nave. Macaco Nº 1, configurar painel de controle da nave espacial. Depois de alguns segundos: - Configuração efectuada ! - Macaco Nº 2, verificar a pressurização da nave espacial. – informam da central. Depois de alguns segundos: - Pressurização verificada ! De volta da central: - Macaco Nº 3,...

ANEDOTA: Fugir do manicómio

Fugir do manicómio Dois malucos no manicómio queriam fugir e diz um para o outro: - Ó Amigo, tenho uma excelente ideia para fugirmos! No pátio, se o muro for grande, fazemos um buraco no chão e passamos por baixo, se o muro for baixo saltamos por cima. Que achas?! - Espectáculo! – responde o outro maluco. Diz o primeiro: - Então vai lá...

ANEDOTA: Pipocas a estalar

Pipocas a estalar Num manicómio, um médico entra numa sala cheia de pacientes e vê mais de vinte malucos a saltar sem parar. Diz ele: - Então, o que se passa? Diz um dos malucos: - Somos pipocas a estalar! O médico repara num paciente que está sentado num canto, sem ligar aos outros, aproxima-se e pergunta-lhe: - Então, está tudo bem? E responde o maluco: - Mais ou...

ANEDOTA: Cão do advogado

Cão do advogado Um talhante entra no escritório de um advogado e pergunta: - Se um cão solto na rua entra num talho e rouba um pedaço de carne, o dono da loja tem direito a reclamar o pagamento ao dono do cão? - Sim, é claro! – responde o advogado. Diz o homem: - Então você deve-me 5 euros. O seu cão estava solto e...

ANEDOTA: A morte da sogra

A morte da sogra Um homem apresenta-se com um lenço atado, dando a volta por cima da cabeça e por baixo do queixo, apertado. - O que é isso, pá? - Pergunta-lhe um amigo - Dói-te a cabeça? Os dentes? Ou foi algum desastre? - Nada disso. Morreu a minha sogra. - Então?... Morreu-te a sogra... e porque é que trazes os queixos amarrados? -...