ANEDOTA: Espanhol e português numa casa de meninas

Espanhol e português numa casa de meninas

Na rua um tipo é abordado por um homem aparentemente mais velho, que lhe pergunta:a,

– Usted, puede me indicar una casa de niñas, mininas.

Diz o tipo:
– Ah, já vi que você é espanhol! Olhe, eu por acaso, vou agora visitar uma casa dessas. Se quiser vir comigo…

O espanhol:
– Claro, ombre!

Chegados à tal casa, o português tratou de arranjar tudo e, depois, disse ao outro:
– Agora, cada um fica no seu quarto e, no fim, quando sairmos, vamos beber um copo.

As ”brincadeiras” começaram e, a certa altura, diz o português em voz alta:
– Ó pá, já dei ”uma”!

O espanhol:
– Mi dobla…

Um tempo depois, volta o português:
– Ó amigo, ”duas”!

O espanhol:
– Mi dobla…

Com voz ofegante, minutos depois, volta o português:
– ”Três”!

O espanhol:
– Siempre, mi dobla…

Quando, ao fim das ”brincadeiras”, os dois se preparavam para sair, diz o português:
– Olha lá, ó espanhol, essa de estares sempre a dizer ”mi dobla”, julgas que eu acredito?!

Diz o espanhol:
– Claro, ombre! O que yo queria dicer é que mi ”cosa” doblava siempre…

ANEDOTA: Espanhol e português numa casa de meninas
Avalie este Artigo

Comments

comments

Deixe o seu comentário